quinta-feira, 25 de junho de 2020

Perdão é poção

Vago, divago, oro e imploro,
deve haver algum santo,
ou um remédio eficaz
que me traga alguma paz…

Abro um livro, ao acaso,
e me salta aos olhos,
quase um grito,
o que vejo escrito:
- “Perdão!”

E, de imediato, já me ocorre
que “Perdão” é palavra forte,
como um chá difícil de tragar.
Pois tenho alguém a culpar
e sofro sem avistar um norte.

Sedento e faminto por solução,
tomo, devoro, até aspiro cada sentença,
a precisão é quase doença.
Ao final, o que sinto
vai além, muito além,
do frágil sentir do paladar,
ainda que possa a ele se associar
para ao menos despertar
os outros sentidos também.

A lição é clara, transparente,
até doce, benevolente:
tudo o que sinto,
tudo o que está em mim,
só cabe a mim mesmo resolver,
cuidar, desapegar, esquecer;
tenho que achar em algum cantinho,
senão fartura, ao menos um cadinho,
de energia para prosseguir,
de humildade para reconhecer
que ainda existo, mesmo abatido.

Cabe só a mim, com esforço ou não,
me dispor a mudar de opinião:
verdadeiramente compreender,
assimilar, em todo meu ser incorporar:

- Perdão não é mera palavra,
nem simples chá, é poção!
Ensinada pelo Alquimista Maior,
pode ser sentida docemente
ou no mais puro amargor.
Mas é, sempre, a única solução,
é só o que cura,
por ser sinônimo de Amor!

quinta-feira, 28 de maio de 2020

Desafios

Sempre existem e existirão
desafios a serem enfrentados;
sempre somos e seremos,
de alguma maneira ajudados.

Assim, em vez de revolta,
de desconsolo, raiva,
ou até mesmo indiferença,
que venha a reflexão,
a consciência e a aceitação.
Afinal, mais que mera esperança,
é certeza a impermanência.

Tudo passa, tudo se vai,
tudo acontece por uma razão,
mesmo se, de imediato,
dela não se tenha conhecimento.

Já disse um sábio, um dia:
“Obrigatória é a dor,
opcional é o sofrimento.”
Desafios vêm e vão,
deixe-os ir,
escolha a paz para o seu coração!


sexta-feira, 22 de maio de 2020

DIA DO ABRAÇO - 22 DE MAIO

Desejo que o meu abraço
desate qualquer nó,
que o transforme em laço
e que você consiga sentir minha emoção.
Pois se não posso usar meus braços,
te enlaço, então,
com meu coração!


quarta-feira, 13 de maio de 2020

Nossa Senhora!

‘- Nossa Senhora!’
Diz o que clama, 
o que implora!
Diz o que ama, 
o que se alegra, o que chora!

E ela vem,
traz o Bem,
traz a paz!
Sempre é Ela,
a mesma, a única,
a ensinar sempre mais:

“- Deixa estar, deixa estar,
as respostas vêm.
Tudo é para o Bem,
ainda que assim não pareça.
Mas é preciso que não se esqueça,
de que as respostas vêm!
Assim, pode pedir, me chamar,
eu venho, a você que clama,
que se alegra ou que chora…”

E ela vem,
traz o Bem,
traz a paz!
Sempre é Ela,
a mesma, a única,
a ensinar sempre mais:

“- Pode me chamar.
Estarei em Fátima, em Lourdes,
onde estive, onde estiver você!
A senha, pode ser dita em um sorriso,
ou em prantos, ou rosto em siso,
é só dizer: ‘- Nossa Senhora!’”

E ela vem,
traz o Bem,
traz a paz!
Sempre é Ela,
a mesma, a única,
a ensinar sempre mais:

“- Pode me chamar:
‘- Nossa Senhora!’
Já não é mais um segredo:
esqueça o medo,
não há fora;
somos todos um só coração,
tudo o mais é pura ilusão...”


quinta-feira, 7 de maio de 2020

Dualidade

É possível se entristecer,
é possível se aborrecer,
é possível se indignar,
se manifestar,
e até sofrer.

Por outro lado, com vontade,
é possível mudar o foco
e encontrar razões para sorrir,
se compadecer, incentivar,
agradecer,
e até se alegrar.

Eu transito nessa dualidade,
ora triste e desconsolada,
ora esperançosa e serenada.
E, entre um e outro estado,
na busca pela destreza
em conseguir me firmar na paz,
a cada dia, o que busco mais
é a calma que a fé me traz.

E me apego na certeza
de que tudo tem um para quê.
Então oro, oro e oro,
empenhada em aprender…

terça-feira, 28 de abril de 2020

Oração à Mãe Divina

Ó Mãe Divina,
gratidão por teu amor tanto!
Gratidão pelas bênçãos, pela proteção,
pelo calor que trazeis com teu manto
a envolver todos os que sofrem
secamente ou a derramar sentido pranto!

Vedes as nossas fraquezas,
nossos erros, nossas tristezas,
mas jamais nos abandonais!
Olhais todos nós com piedade,
e perdoais tanta maldade
que gera sofrimentos reais.

Gratidão, ó Mãe Divina,
pelo acolhimento do colo santo,
por tudo o que nos ensina;
confiamos em vosso amor,
queremos nos entregar sem temor
às lições necessárias.

E pedimos, uma vez mais,
clareza, energia, força e disposição,
a fim de cumprir cada obrigação
a que nos propusemos,
para, quem sabe, um dia,
conseguirmos sentir paz.


terça-feira, 14 de abril de 2020

Gratidão

Mesmo sem que percebamos,
há sempre luzes que nos conduzem.
Ainda que distraídos estejamos,
o auxílio é constante, perene.
Às vezes vem em forma grandiosa
que até de milagre o chamamos.
Em outras é tão sutil a ajuda prestimosa
que facilmente nem a enxergamos.

Contudo o reconhecimento deve existir,
pois é parte do aprendizado permanente.
Cada ser pode se abrir
e deixar de ser o caminhante errante;
pisar fundo, decididamente, apesar dos espinhos,
e enxergar que cada passo constrói o caminho,
cada minuto da vida vivida
é bênção, graça, a cada ser concedida!

quarta-feira, 8 de abril de 2020

Espia!

Espia por entre teus dedos,
vê que brilha a alegria!
Ainda que em teu peito haja medo,
espanta de ti a agonia
que te consome desde tão cedo.

Expulsa da mente a algaravia
dos confusos pensamentos,
permite a ti mesmo acreditar
que o sol permanece a brilhar
mesmo que nuvens se coloquem a sua frente.

Assim também deve pensar
todo aquele que usa as mãos para tapar
os olhos que anseiam por enxergar
a beleza da vida, a alegria
que existe no simples dia a dia.

domingo, 5 de abril de 2020

Paciência

Desejo que sejas paciente,
a fim de viveres o presente
com atenção, entrega e amor.
Pois só assim tu serás senhor
de teu próprio destino e caminho.
E, mesmo sabendo que haverá provas,
nunca te deixes abater.

Não te posso prometer só alegrias,
haverá tristezas, sim, nos teus dias.
Mas, ainda que sintas não merecer,
o que posso te adiantar
é que mesmo com pouco saber,
confia e entrega qualquer situação
que tudo um dia vai se resolver.

Ter paciência é olhar
todo problema com compaixão;
saber que nem toda solução
é possível por tua própria mão.
Ser paciente é ter humildade
para reconhecer que a felicidade
nem sempre aparece segundo tua vontade...



quinta-feira, 2 de abril de 2020

Força e fé

Acredita, insiste, persiste.
Reza, reza sempre,
a oração é força preciosa!

Força e fé,
crê no que já houve,
no que virá e no que é.
Crê com energia,
com destemor.
Segue em frente,
haverá o tempo da alegria!


Acreditar e trabalhar


Há que se ter paciência,
pois a Divina Benevolência
sempre veio e sempre virá!

Cultiva a fé e o amor,
pensa que a ti, Nosso Senhor
traz o que te for o melhor.

Espalha ao vento a mensagem
de que a hora é de coragem,
não há tempo a perder:

- Que cada um acesse em si
o que de melhor traz
e enxergue tudo o que faz
como auxílio a distribuir.

Avante, pessoas de bem!
Trabalhar pelo irmão a sofrer
é sua missão, nobre dever,
recompensado por quatro letras: Amém!



terça-feira, 24 de março de 2020

Logo chega o dia...

Logo chega o dia
de a gente poder sair,
chegar perto e se abraçar,
de estender a mão e retribuir,
com calor e alegria,
toda a ajuda recebida

Logo chega o dia
de poder ir ao mercado
ou de ir à padaria
e, ao voltar, despreocupado,
poder abraçar e ser abraçado,
sem sentir medo de contaminar
um ser amado.

Logo chega o dia
em que o siso será desfeito,
em que se sentirá aberto o peito,
em que o mundo terá outro jeito.

Eu escolho a esperança,
tenho fé e confiança
de que haverá muita gente
mais consciente
da verdade universal:
nada se constrói sem união,
todo ser, sem distinção,
é essencial!

Certamente o mundo
não se tornará perfeito,
afinal toda mudança
precisa de tempo
para se consolidar.
O que mais vai importar
é que, de algum jeito,
a semente agora lançada,
um dia vai germinar.
Logo chega o dia...

quarta-feira, 30 de outubro de 2019

Fantasias, ilusões

Em pensamento te abraço,
estendo a mão e te enlaço
e saímos a bailar.

Em sonhos eu te vejo,
olhos nos olhos, te beijo,
e é perfeito te amar.

É, na minha fantasia,
vives comigo o dia a dia;
partilhamos o caminhar
sempre juntos, em harmonia.

Ah, doces ilusões essas minhas,
tão singelas, comezinhas…
Porém são elas que me confortam,
é nelas que meus pés
se apoiam e me suportam.

Por mais que cresça e envelheça,
tenho fé, tenho esperança,
não sei viver sem pensar,
sem sonhar, sem fantasiar.

Não teria achado sentido
em tudo o que tenho vivido,
há muito teria desistido…


“Brighid’s Walk” by Helen Nelson-Reed





sexta-feira, 9 de agosto de 2019

SER

O ser que se realiza,
é aquele que busca e se agita,
pensa e profetiza,
faz sua vida mais bonita!

Faz bonita a vida do outro também,
porque vira exemplo e inspira.
E assim, incentiva o bem,
auxilia aquele que nele se mira.

O ser, para se realizar,
precisa estar atento e forte,
muito haverá para que ele desista;
precisa se auto-determinar,
precisa ter sempre um norte,
seu sonho exposto, sempre à vista.

É imprescindível viver o presente,
vencer a resistência de todo dia.
Nem desistir nem adiar o que é importante,
fazer acontecer a sua real utopia!

Deixar de ser amador,
de fazer de vez em quando,
de só realizar por diversão.
Ser profissional, fazer por amor,
agir por vocação;
firmar-se no próprio mando,
cumprir a palavra dada a si próprio,
saber que sonho é ação!

Nunca pensar que será fácil,
que um dia haverá descanso e moleza.
Mas, sim, poder ter a certeza:
com perseverança e determinação,
a alma crescerá e atingirá
o mais profundo desejo do seu coração!


domingo, 12 de maio de 2019

MÃE

Quem é uma Mãe?
Uma palavra tão pequena
a conter a grandeza mais extrema!
Mãe, para mim, é todo ser
que traz em si o dom de acreditar,
de amar!

Assim, Mãe é tanto a criatura
capaz de gerar outro ser,
de trazê-lo à luz
para ele crescer, aprender, viver,
quanto é aquela
que, mesmo não tendo gerado,
toma para si todo o cuidado
e exerce missão tão bela e tamanha:
cuida, alimenta, instrui e conduz,
faz outra vida vicejar
durante a viagem humana.

A mãe falha, a mãe acerta,
ela fala, ela se cala,
a mãe abafa, a mãe desperta;
A mãe é amada, por vezes rejeitada,
também é temida, é combatida,
mas, acima de tudo,
deve ser honrada e respeitada...

Mãe é apenas um ser
que, um dia, veio de outro.
Quis fazer igual, quis fazer diferente,
só fez e faz o possível em cada presente.
E, mesmo que esteja ou seja ausente,
em físico, toque e olhar,
integra o que cada ser traz,
em si,
em tudo o que faz.

Mãe, você é doçura de mel, é beleza de flor,
é milagre, é honra verdadeira.
E você é tanto a herdeira,
quanto aquela que deixa de herança
o que move a existência inteira:
a essencial Esperança
e um real e profundo Amor.
A você, por você, só imensa gratidão
e o meu mais sincero louvor!