terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Persistir...

Sei de tua dor
e que lutas para te recompor.
Peço que te acalmes,
o que fazes tem muito valor.
Não menosprezes o passado,
é a força que tem te sustentado.
Também o aço é forjado
nos duros golpes
que lhe são aplicados.
Haverá o dia da compreensão,
da luz desfazer a escuridão.
Enquanto isso, persevera na retidão,
neste mundo não há perfeição.
Tampouco há cartas marcadas;
cabe a cada um persistir
e ser o construtor da própria estrada...
Bill Jeralds