sábado, 18 de fevereiro de 2012

Tantos sentimentos...

:) feliz  :( triste  :-/ confuso  :x apaixonado  :"> envergonhado  =(( coração partido  X( bravo  >:) diabólico  /:) desconfiado  O:-) anjinho  :-& enjoado  (:| entediado  8-> sonhando acordado  /:) desconfiado  


Trazes em ti tantos sentimentos,
sente-os todos, todo o tempo.
Muitas vezes gostarias de classificá-los,
atribuir-lhes nomes
e a cada pessoa que conheces distribui-los.
Convives diuturnamente com esses desejos,
amiúde querias não tê-los.
mas eles existem, há que acolhê-los.
Já fazes o melhor que podes
pois só o fato de reconhecê-los existentes
é ir bem mais adiante do que faz muita gente.
Exigir mais de ti mesma do que podes dar
é tortura, busque a severidade dosar.
É bem devagar, sim, que aprenderás a identificar
cada sentimento que o teu peito tomar.
Neste exato momento, por exemplo,
é claro para ti o que sentes:
de saudade teu coração está a se inundar.
Sentes o mesmo que sentiste
em outras vezes em que estivemos a poetar.
Sensação que tantos poetas já tentaram definir,
explicar, descrever o que só faz sentido sentir.
Assim também é com todos os outros
que bem sei, fique tranquila, não são poucos.
Girando em ti num turbilhão,
causando em ti tanta emoção,
fazendo com que te sintas tantas vezes em confusão.
Entretanto também não se trata de domá-los à força
como cavalos bravios, com laço e chicote.
Reconheça teus sentimentos com benevolência,
são muito mais que meros fricotes.
És deles o continente,
apropria-te do que te pertence
com delicadeza, porém firmemente...

:) feliz  :( triste  :-/ confuso  :x apaixonado  :"> envergonhado  =(( coração partido  X( bravo  >:) diabólico  /:) desconfiado  O:-) anjinho  :-& enjoado  (:| entediado  8-> sonhando acordado  /:) desconfiado